segunda-feira, 18 de maio de 2015

JEREMIAS - o 24° livro do Antigo Testamento


o livro de JEREMIAS é o 24° livro do Antigo Testamento e o 2° dos últimos dezessete livros do AT chamados de 'livros dos profetas' que contêm as mensagens de Deus anunciadas ao povo.



O profeta Jeremias, que era de uma família de sacerdotes, começou a anunciar mensagens de Deus no ano 627 antes de Cristo e morreu por volta de 580, provavelmente no Egito.

Ele anunciou que Deus ia fazer cair uma terrível desgraça sobre os israelitas como castigo pelos seus pecados.

Jeremias ainda vivia quando as suas profecias se cumpriram.

Ele estava presente quando o rei Nabucodonosor destruiu a cidade de Jerusalém, incendiou o Templo e levou como prisioneiros para a Babilônia o rei de Judá e grande parte do povo.

Mas Jeremias disse que um dia os israelitas iam voltar e que seriam de novo uma nação.

Jeremias amava profundamente o seu povo.



Não era por prazer mas por obrigação que ele anunciava que Deus ia castigar os israelitas.
Mas a palavra de Deus era como um fogo no seu coração, e ele não podia ficar calado (20.9).

Por outro lado, as autoridades e o povo não recebiam bem as mensagens de Jeremias.

Ele foi rejeitado, perseguido e preso.



O livro de Jeremias fala de um tempo, no futuro, em que Deus faria um novo acordo com o seu povo.
Esse acordo seria cumprido de livre e espontânea vontade, pois a lei de Deus estaria gravada no coração das pessoas (31.31-34).


ESBOÇO:
A chamada de Jeremias - cap.1
Mensagens dos tempos de vários reis - caps. 2-25
Episódios da vida de Jeremias - caps. 26-45
Mensagens contra as nações - caps. 46-51
A tomada de Jerusalém - cap.52

sbb/ntlh



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens visualizadas nos últimos 30 dias